quinta-feira, outubro 29FEEPKARATE - Federação Esportiva e Educacional de Karate

CLINICA DE ARBITRAGEM 2020

A Federação Esportiva e Educacional Paulista de Karatê – FEEPK estará realizando as “CLINICAS DE ARBITRAGEM”, antecedendo as competições deste ano, a fim de atualizar a todos sobre as regras FEEPK/ CEEBK.
Estes eventos serão exclusivos para árbitros a partir de 15 anos de idade e graduados a partir de 12 anos (roxa acima) e terá um valor gratuito para filiados 2020 em dia com suas anuidades e taxa simbólica de R$ 20,00 para todos os não filiados.
Para os atletas que não estejam com as suas anuidades recolhidas, ou que não sejam filiados, será cobrada a taxa de 20,00 pela participação.
Veja a Programação:
– dia 14 de março Sábado a partir de 08:30 as 11:30 e das 13 as 15hs: CLINICA DE ARBITRAGEM em Guarulhos SP
Endereço: Av Salgado Filho 1592 (próximo ao bosque Maia) Guarulhos SP
– dia 10 de maio, domingo, a partir de 08:30 as 11:30 e das 13 as 15hs: CLINICA DE ARBITRAGEM em Itanhaem SP
Endereço: Ginásio Municipal de Artes Marciais, sito à Rua Professora Alice Teixeira Saraiva 62 –Itanhaem SP
Todos os atletas e árbitros deverão portar os seus equipamentos obrigatórios, kimono, apito, caneta e caderno.
CLINICA E CREDENCIAMENTO DE ARBITRAGEM
– dia 15 de Agosto, sabado, a partir de 08:30 as 11:30 e das 13 as 15hs: CLINICA DE ARBITRAGEM e CREDENCIAMENTO. GUARULHOS SP
Endereço: Av Salgado Filho 1592 (próximo ao bosque Maia) Guarulhos SP
Este evento é obrigatório para:
– árbitros que buscam credenciamento 2020.
– para técnicos que desejam atuar nas competições 2020, recebendo ao final do evento credenciamento e crachá obrigatório para atuação;
Contando mais uma vez com a valorosa participação de Vossa Entidade, reiteramos os protestos de elevada estima e distinta consideração

2 Comments

  • Lidiane

    Acredito ser de excelência o trabalho da arbitragem. No entanto, assisti e testemunhei algo em Caçapava, nas finais Paulista de 2019, que me deixou intrigada: pode uma árbitra apitar seus próprios alunos, sua própria academia? Ser inclusive chamada de mãe pela técnica no tatame? Pois é, houve isso é não imparcialidade da referida árbitra em mais de uma situação. Além disso, várias academias/delegações reclamaram à mesa sobre essa arbitragem e seus erros. Por favor, que não haja apadrinhamento e que o esporte brilhe mais do que a simples cobiça pela medalha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *